Anti-inflamatórios esteroidais

>Descrição

Anti-inflamatórios esteroidais

 

“Compostos apresentam atividades anti-inflamatória, analgésica e imunosupressora, úteis no tratamento de processos inflamatórios crônicos, asma, rejeição de órgãos e doenças autoimunes”.

 

Descrição: A tecnologia compreende o processo de obtenção de compostos anti-inflamatórios esteroidais, composições farmacêuticas contendo tais compostos e seus usos no tratamento de doenças de caráter inflamatório. Os compostos desenvolvidos apresentam propriedades anti-inflamatória, analgésica e imunosupressora, úteis no tratamento de processos inflamatórios crônicos, asma, rejeição de órgãos e doenças autoimunes.

 

Problema: Os glicocorticóides são fármacos amplamente utilizados como anti-inflamatórios e imunossupressores. No entanto, seu uso apresenta uma série de limitações relacionadas a efeitos adversos e formas farmacêuticas para administração pelas diferentes vias. Ainda, os anti-inflamatórios comerciais apresentam efeitos adversos graves como úlceras gástricas.

 

Solução Proposta: A tecnologia permite a obtenção de novos compostos derivados de glicocorticóides, com maior atividade anti-inflamatória e analgésica que os compostos protótipos originais. O perfil farmacocinético diferenciado dos compostos permite que sejam utilizados como uma forma de liberação lenta do glicocorticóide, diminuindo assim a necessidade de administrações múltiplas, facilitando a utilização e melhorando a adesão à terapia pelo paciente.

 

Benefícios: As principais vantagens da tecnologia são de caráter farmacocinético e farmacodinâmico. As propriedades anti-inflamatórias e analgésicas dos compostos provocam um sinergismo de ação, no sentido de aumentar a potência dessas atividades. Foi observado em testes in vivo que os compostos não causam ulceração gástrica, efeito adverso comum dos anti-inflamatórios comerciais. O composto possui ainda propriedades imunomodulatórias, permitindo seu uso como imunossupressor em processos para evitar a rejeição de órgãos. Pode ser utilizada no tratamento de doenças como:

- Doenças inflamatórias crônicas de maneira geral;

- Asma;

- Doenças alérgicas;

- Doenças inflamatórias do olho (ex: uveíte);

- Doenças inflamatórias intestinais (ex: colite ulcerativa);

- Rejeição de órgãos;

- Prevenção de rejeição de órgãos;

- Doenças autoimunes (ex: psoríase, reumatismo etc.).

 

Potencial de Mercado: Segundo relatório da IMS Health, dois anti-inflamatórios estão entre os 10 medicamentos mais vendidos do Brasil, enquanto o mercado nacional de anti-inflamatórios genéricos apontou crescimento de 65% nas vendas de 2007 para 2008, movimentando US$ 180 milhões. Nos Estados Unidos, a venda de anti-inflamatórios cresceu 63% em 4 anos e movimentou US$ 4,9 bilhões em 2009. As vendas globais de anti-inflamatórios e analgésicos, no ano de 2008, movimentaram US$ 21,7 bilhões. (The Pharma Report 2008 - IMS Health; U.S. Pharmaceutical Sales 2009 - IMS Health; Global Pharmaceutical Sales 2008 - IMS Health).

http://unesp.technologypublisher.com/files/sites/auin-003-11---anti-inflamatórios-esteroidais.pdf

http://unesp.technologypublisher.com/files/sites/auin-003-11---steroidal-anti-inflammatory-compounds.pdf

Informação da Patente:
Informações, Contactar:
Agência Unesp de Inovação
Universidade Estadual Paulista "Júlio de Mesquita Filho" - Unesp
 
Inventores:
Jean Leandro dos Santos
Chung Man Chin
Palavra-chave:
Farmacologia
Saúde Humana